segunda-feira, 4 de abril de 2011

Estatística sem sexo

500 mil pessoas foram assassinadas no Brasil ao longo de uma década.

50.000 em um ano.

52 mil americanos foram mortos em quase 10 anos de guerra no Vietnã

Em alguns anos na última guerra do Iraque (e que não acabou), 600 mil iraquianos foram mortos.

Morre muita gente no Brasil.

Muitos homicídios.

Quase 140 mortes por dia. Isso pode ter variado para cima ou para baixo.

Segundo relatório recente, a cada um dia e meio morre um homossexual no Brasil.

Um, para 209 de um total para um dia e meio.

Em um dia e meio morrem 210 pessoas, homens, mulheres, crianças, negros, pardos, orientais, brancos, idosos ou seja lá o que for.

210 pessoas morrem a cada dia e meio no Brasil.

Eu não me incomodo se uma pessoa desse total é homossexual.

EU ME INCOMODO COM O NÚMERO TOTAL.

Gente que morre por causa de uma violência urbana que é fomentada pela corrupção, pela falta de emprego, falta de educação e muitos outros crimes que são cometidos contra a população.

Só que a mídia nesse exato momento quer enxergar apenas 1 homicídio a cada um dia e meio.

Não consigo enxergar lógica nisso.

Não mesmo.