domingo, 4 de setembro de 2011

Golpe de Estado Globalizado

O que vimos na Líbia é exatamente isso. Um golpe de estado feito com apoio estrangeiro e todo um esforço de marketing para justificá-lo. Pode ser também explicado como um novo modelo de guerra no qual os EUA, Inglaterra e França usaram forças locais e mercenárias em solo e seus arsenais para fazer os bombardeios.
Vimos os modelos de guerra evoluindo, com participação de mercenários de empresas privadas registradas em solo americano e na Inglaterra e depois vimos isso agora. No ponto de vista deles, é bacana, pois não precisaram se preocupar em enviar tropas, o que é sempre traumático. Mas alguém duvida que aquilo lá esteja cheio de mercenários da Xe (ex-Blackwater)?